terça-feira, julho 03, 2007

Norbert Kraft - Villa-Lobos: Complete Music for Solo Guitar

Bem sei que devem estar cansados de ouvir interpretações das mesmas peças, obras do mesmo autor, enfim, tudo outra vez. Mas como diria Moska: “É tudo novo de novo”.

Embora o compositor nos seja mais do que conhecido, as peças já nos sejam até um tanto quanto “chatas” (que heresia, dirão alguns) e, até certo ponto, ficarão um tanto quanto irritados em ver, ou melhor, em ouvir outra vez o emérito Villa Lobos eis que vos digo: há uma razão para, de novo e mais uma vez, trazê-lo aqui! E eis a fausta razão: Norbert Kraft!

Sim. Norbert Kraft é o nome do violonista. Concordo. Muitos não conhecem e outros tantos têm uma verdadeira antipatia por ele – a qual eu não sei explicar e da qual eu não partilho. Bem, a verdade é que Kraft é desconhecido da grande maioria dos brasileiros, a não ser por um trabalho: e tal gravação é, precisamente, o motivo pelo qual o odeiam. Trata-se do álbum que agora vos trago. Então devem a pensar que estou louco, ao trazer essa gravação. Oras, talvez eu seja mesmo. Mas antes disso, a tenção é que os nobres e agudos amigos ouçam tais interpretações e tirem suas próprias conclusões. Afinal, para criticar algo é essencial conhecê-lo bem, não?

Desse modo, trago-vos então o polêmico e excelente disco de Norbert Kraft a interpretar a obra completa para violão solo do egrégio Heitor Villa Lobos. O primoroso violonista Norbert Kraft nasceu na Áustria, nos idos da década dourada de 50. Radicou-se no Canadá ainda jovem e por lá se tornou um dos mais proeminentes violonistas que tal país já havia visto. Em 1975 venceu a competição da rádio canadense CBC, o que deu a Kraft certa relevância. Dizem que muitas universidades, escolas de música, gravadoras começaram a dar atenção à ele, desde então. Então, um decênio mais tarde, em 1985, Kraft atendeu às expectativas alheias e venceu o famigerado e conceituado prêmio Andrés Segovia International Guitar Competition – que, pelo nome, já denota a grande dificuldade e primazia – tornando-se o primeiro norte americano a atingir tal feito. Pois é. A reputação do homem o precede.

Bom. O fato é que esse disco é, ao meu ver, muito bom. Claro que nem todos irão gostar dele. Mas é justamente isso que quero. Provocar a discussão, a troca de idéias. Apenas assim é que vocês, meus mais do que prezados e estimados amigos, poderão crescer e sedimentar o conhecimento de vocês.

Disclist:

1. Chor No.1
2. St Populaire Bresilienne: No.1 Mazurka - Choros
3. St Populaire Bresilienne: No.2 Schottisch - Choros
4. St Populaire Bresilienne: No.3 Valsa
5. St Populaire Bresilienne: No.4 Gavota
6. St Populaire Bresilienne: No.5 Chorinho
7. 12 Etudes: No.1 Allegro Non Troppo
8. 12 Etudes: No.2 Allegro
9. 12 Etudes: No.3 Allegro Moderato
10. 12 Etudes: No.4 Un Peu Modere
11. 12 Etudes: No.5 Andantino
12. 12 Etudes: No.6 Poco Allegro
13. 12 Etudes: No.7 Tres Anime
14. 12 Etudes: No.8 Modere
15. 12 Etudes: No.9 Tres Peu Anime
16. 12 Etudes: No.10 Tres Anime
17. 12 Etudes: No.11 Lent - Anime
18. 12 Etudes: No.12 Anime
19. 5 Prlds: No.1 in e
20. 5 Prlds: No.2 in E
21. 5 Prlds: No.3 in a
22. 5 Prlds: No.4 in e
23. 5 Prlds: No.5 in D
NORBERT KRAFT - VILLA LOBOS
Ps: AQUI podem encontrar a obra completa para violão, em PDF, do emérito Villa Lobos.

Marcadores: ,

9 Comments:

Anonymous Bruno Madeira said...

Boa sugestão de CD, Helder. Eu havia ouvido só uma faixa dele, agora posso baixá-lo todo. Valeu!

Fiz um post num outro dia sobre o Prelúdio no. 3 em específico, analisei, dei sugestões de interpretação ali ou aqui. Gostaria que você (e todos que se interessem) desse uma olhada pra ver o que acha, dar sua opinião. O link é http://violao.brunomadeira.com/recital-preludio-no-3

Até mais!

12:24 PM  
Blogger Henoc said...

O.K. ja está descarregado, muito obrigado, por atender a minha petição.Muchas gracias por atender mi solicitud.

9:00 PM  
Anonymous Anônimo said...

Tenho esse CD e o aprecio muito. Para mim Norbert Kraft tem um dos sons mais bonitos entre os violonistas. Se ele é um tanto idiossincrásico nas suas interpretações, não vejo de modo algum isso como um demérito.
Aproveito para solicitar mais posts com álbuns do David Russell, o número 1 da minha hierarquia violonística.

Muito obrigado pelos serviços prestados em nome da cultura.

2:36 PM  
Blogger Rafael said...

Cd muito legal! Só o choro, mais uma vez, que ficou devendo coisa pra um brasileiro que ouve.

12:37 AM  
Anonymous Rodrigo said...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Se você quiser linkar meu blog no seu eu ficaria agradecido, até mais e sucesso. (If you speak English can see the version in English of the Camiseta Personalizada. If he will be possible add my blog in your blogroll I thankful, bye friend).

7:02 AM  
Anonymous Lustosa said...

Por acaso vi numa loja um CD de Norbert Kraft e quís ouví-lo o que me impressionou bastante.
O som aveludado e equilibrado do seu violão é bastante agradável e ao ferir as cordas não sinto nenhuma agressividade como é de costume na maioria dos violonistas. O repertório muito bom. Devo salientar que fiquei satisfeito com a audiencia.

4:32 PM  
Blogger garoto oculto said...

realmente me impressionei com a pureza do som, mas o primeiro link não está mas funcionando será que poderia dar uma olhada
agradeço

1:06 AM  
Anonymous Anônimo said...

El link para la parte 1 no funciona. ¿Podrías arreglarlo? Gracias.
Un saludo desde Argentina. Roberto.

Part I link doesn't work. Can you fix it? Thanks.
Greetings from Argentina. Roberto

6:28 PM  
Blogger Rafael said...

Realmente a parte I está com problema. Poderia concertar?
Grato,
Rafael

11:34 PM  

Postar um comentário

<< Home